trhavanna-em-solidoes

Your awesome Tagline

59.801 notas

A gente pode morar numa casa mais ou menos, numa rua mais ou menos, numa cidade mais ou menos, e até ter um governo mais ou menos. A gente pode dormir numa cama mais ou menos, comer um feijão mais ou menos, ter um transporte mais ou menos, e até ser obrigado a acreditar mais ou menos no futuro. A gente pode olhar em volta e sentir que tudo está mais ou menos. Tudo bem. O que a gente não pode mesmo, nunca, de jeito nenhum é amar mais ou menos, sonhar mais ou menos, ser amigo mais ou menos, namorar mais ou menos, ter fé mais ou menos, e acreditar mais ou menos. Senão a gente corre o risco de se tornar uma pessoa mais ou menos.
Chico Xavier.    (via revejo)

(Fonte: romantizar, via revejo)

10.511 notas

Me chamam de exigente, mas não sou. Só quero alguém que tenha a mínima capacidade de fazer o óbvio, no caso gostar de mim. Mas de mim, não do que pode obter de mim. Meu anúncio só diz que sou engraçado, romântico, gentil, tarado, fiel, inteligente, carente, descrente, desesperançado, desesperado. Essas coisas que ficam na última gôndola do mercado de amores.
Gabito Nunes.  (via s-i-m-p-l-i-f-i-c-a-r)

(via s-i-m-p-l-i-f-i-c-a-r)

25.715 notas

Quero um amor sossegado. Alguém para me abraçar, assistir um filme, jogar baralho, viajar, conversar, contar o dia, fazer cafuné, dar apoio, confortar. Quero troca, carinho, respeito, cumplicidade. O amor é uma amizade sem inveja. É um sonho com realidade. É uma realidade sem photoshop. O amor é um abraço apertado, um olhar que se encontra, um silêncio que não incomoda, um barulho de onda, um gosto bom. Não tem serenata, mas tem bilhetinho dentro da bolsa. E rotina, cansaço, discussão, divergências de opinião. Mas, acima de tudo, tem paciência. E vontade.
Clarissa Corrêa.   (via relatada)

(Fonte: bipolarefeliz, via relatada)

39.694 notas

Escreva. Seja uma carta, um diário ou umas notas enquanto fala ao telefone, mas escreva. Procura desnudar a tua alma por escrito, ainda que ninguém leia, ou, o que é pior, que alguém acabe lendo o que não queria. O simples ato de escrever nos ajuda a organizar o pensamento e a ver com mais clareza o que nos rodeia. Um papel e uma caneta fazem milagres, curam dores, consolidam sonhos, levam e trazem a esperança perdida. As palavras têm poder.
Paulo Coelho. (via distanciarei)

(Fonte: v0ceeumapartedemim, via distanciarei)